domingo, 9 de janeiro de 2011

Comportamento das minhocas com alteração dos factores do meio ambiente (luz e humidade)

     Depois de termos estudado as adaptações dos animais aos factores do meio ambiente, fizemos duas experiências com minhocas.

     Aqui deixamos os protocolos dessas experiências e algumas fotos das nossas aulas.

1ª Experiência
Influência da humidade no comportamento das minhocas 
Enquadramento didáctico-pedagógico: Os seres vivos distribuem-se por diferentes habitats consoante as suas necessidades em água. Os seres classificam-se em xerófilos ou higrófilos, conforme estão adaptados a habitats secos ou húmidos respectivamente. 

Objectivo: Observar o comportamento das minhocas em presença de um meio ambiente seco e outro húmido.
Material:
Ø Tabuleiro rectangular;
Ø Papel absorvente;
Ø 4 Minhocas vivas;
Ø 1 Esguicho com água;
Ø Pinça.         

Procedimento:
1.    Cobre metade do fundo do tabuleiro com papel absorvente;
2.    Humedece o papel com água;
3.    Com a ajuda da pinça, coloca 2 minhocas na parte seca do tabuleiro;
4.    Coloca 2 minhocas na parte húmida do tabuleiro;
5.    Observa o comportamento das minhocas durante algum tempo (5 minutos);
6.    Regista o que observaste.


 Colocou-se duas minhocas de cada lado...
...e depressa descobrimos o que elas preferem.

2ª Experiência

Influência da Luz no Comportamento das Minhocas

Enquadramento didáctico-pedagógico: Os seres vivos distribuem-se por diferentes habitats consoante as suas necessidades em luz. Praticamente todos os animais necessitam de luz para sobreviver. São excepção algumas espécies que vivem em cavernas - espécies cavernícolas - e as espécies que vivem no meio aquático a grande profundidade - espécies abissais. Certos animais como, por exemplo, as borboletas necessitam de elevada intensidade luminosa, pelo que são designadas por espécies lucífilas. Por oposição, seres como o caracol e a minhoca não necessitam de muita luz, evitando-a, pelo que são denominadas espécies lucífugas.

Objectivo: Observar o comportamento das minhocas em presença de um meio ambiente iluminado e outro não iluminado.

Material:
Ø Caixa de cartão com tampa;
Ø Papel absorvente;
Ø 4 Minhocas vivas;
Ø 1 Esguicho com água;
Ø Pinça.
                                  
Procedimento:
1.     Corta-se metade da tampa da caixa e inclina-se para dentro a parte cortada;
2.     Impermeabiliza-se o fundo da caixa e cobre-se com papel absorvente;
3.     Humedece o papel com água;
4.     Com a ajuda da pinça, coloca-se 2 minhocas em cada metade da caixa;
5.     Coloca-se a tampa na caixa;
6.     Observa o comportamento das minhocas durante algum tempo (10 minutos);
7.     Regista o que observaste.
 Todos registaram as suas observações.


 No 5º E ainda houve tempo para ver uma pequeníssima minhoca através da lupa biocular.

18 comentários:

  1. esta muito bem explicito!
    esta muito bom!
    continuem a circular informaçao no vosso site!

    ResponderEliminar
  2. muito bom nos ajudou muito
    Obrigado

    ResponderEliminar
  3. obrigada por me terem feito o trbalho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. a mim tambem , ahah

      Eliminar
    2. Informação muito explicita
      gosto muito
      kiss

      Eliminar
  4. nossa! vcs entaum aprendendo isso no 5º ano e eu na sexta série... noosssa!!!

    ResponderEliminar
  5. muito obg ajudarame muito num relatorio para um trabalho para C.N do 8 ano. adoreia a primeira experiencia ajudoume muito

    ResponderEliminar
  6. esta muito bo continue assim Ps : ajudoume imenso

    ResponderEliminar
  7. esta muito bem explicito! parabéns amei

    ResponderEliminar
  8. parabens !! foi uma grande ajuda

    ResponderEliminar
  9. muito obrigado ! parabens pelo excelente trabalho . :)

    ResponderEliminar
  10. muito obrigado, foi uma preciosa ajuda no meu trabalho, digo isto como um incentivo para vocês e professores (que já agora estão de parabéns com todo trabalho e esforço). Está um blog muito bonito e com excelente qualidade na matéria. acho muito interessante os do quinto já estarem a fazer estas experiencias quando alguns só fazem no oitavo ano quando estudam fatores abióticos.
    Espero que utilizem este comentário como insentivo e continuem assim.
    Pois é de pequeno que Einstein começou!!!...

    ResponderEliminar